top of page

29/02/24 - Ciranda de Leitura - Introdução ao livro Dom Casmurro de Machado de Assis

Atualizado: 23 de fev.

Realização: A Casa Frida & Confraria das Lagartixas


29/02/24 - 19h30 - via Zoom

Neste primeiro encontro, não é necessário realizar a leitura do livro.

O acesso à introdução do livro não tem custo.





Dom Casmurro - Machado de Assis


É considerado o ponto culminante de sua ficção. O tema da obra é o adultério relatado pelo próprio marido traído. O romance é narrado na 1.ª pessoa do singular, começando com a amizade infantil entre Bentinho e Capitu.


Da afeição nasce o amor e o casamento. Capitu, como quase todos os tipos machadianos, é cheia de vivacidade e astúcia, porém dissimulada. Trai o esposo com Escobar, o mais antigo e íntimo amigo do casal.


Mais tarde, nasce Ezequiel e as dúvidas de Betinho se dissipam. Torna-se um indivíduo sisudo e casmurro, que vive a rememorar o passado. Quando Escobar morre, Capitu chora diante do cadáver, confirmando as suspeitas de Bentinho.




O autor | Machado de Assis


Joaquim Maria Machado de Assis nasceu na Chácara do Livramento no Rio de Janeiro, no dia 21 de junho de 1839. Foi o primeiro filho do mulato Francisco José de Assis, um pintor e decorador de paredes, e da imigrante portuguesa Maria Leopoldina.


Machado de Assis passou sua infância e adolescência no bairro do Livramento. Seus pais viviam na chácara do falecido senador Bento Barroso Pereira e sua mãe era a protegida da dona da casa, D. Maria José Pereira.


Machado fez seus primeiros estudos na escola pública do bairro de São Cristóvão. Tornou-se amigo do padre Silveira Sarmento, o ajudava nas missas e familiarizava-se com o latim.

Quando tinha dez anos perdeu sua mãe. Seu pai resolveu sair da chácara e foi morar em São Cristóvão com Maria Inês da Silva, só vindo a casar-se em 1854.


Sua madrasta trabalhava como doceira em uma escola e levava o enteado para assistir algumas aulas. À noite, Machado ia para uma padaria, local onde aprendia francês com o forneiro. À luz de velas, Machado lia tudo que passava em suas mãos e já escrevia suas primeiras poesias.


O Realismo – obras e características


A segunda fase das obras de Machado de Assis inicia-se com Memórias Póstumas de Brás Cubas (1881), onde retrata a miséria humana, indo até seu último romance, “Memorial de Aires” (1908) - o livro da saudade, escrito após a morte de Carolina.


É nesse período que se encontram suas mais ricas criações literárias. Diferente de tudo quanto havia sido escrito no Brasil, Machado inaugura o “Realismo”.


O estilo realista de Machado de Assis difere de seus contemporâneos, porque ele aprofunda-se na análise psicológica dos personagens desvendando a fragilidade existencial na relação consigo mesmo e com os outros personagens.


Entre as obras desse período, encontra-se Dom Casmurro publicado em 1891.


Fonte: ebiografia.com






Convidado Especial | Alcides Celso Oliveira Villaça


Alcides Celso Oliveira Villaça é um poeta, ensaísta e crítico literário brasileiro. É professor da Universidade de São Paulo desde 1973, tendo como foco de pesquisa a literatura brasileira, particularmente Machado de Assis, Carlos Drummond de Andrade, Manuel Bandeira, Ferreira Gullar e João Cabral de Melo Neto.



Alcides Villaça fala de Dom Casmurro como um romance de formação


 



Capitu - Trailer da Minisérie da Globo com a música Elephant Gun (Beirut)


Baseada em Dom Casmurro, de Machado de Assis, a minissérie mostra as duas fases do romance: o amor adolescente de Capitolina, a Capitu (Letícia Persiles), e Bento Santiago, o Bentinho (César Cardadeiro); e o ciúme que Bento (Michel Melamed), já formado em Direito e casado com Capitu (Maria Fernanda Cândido), passa a ter de sua esposa e de seu melhor amigo Escobar (Pierre Baitelli).


A trama é narrada por um melancólico Bentinho, que escreve um livro para contar a versão de sua própria história e também restaurar, na velhice, os momentos vividos na adolescência ao lado do grande amor de sua vida, Capitu, menina que o seduzia com seus “olhos de ressaca”.




Ouça a Playlist da minisérie Capitu, clicando aqui. 




Dom Casmurro (Machado de Assis) por Lygia Fagundes Telles.


 

COMO PARTICIPAR?


Para nossa próxima travessia literária, estipulamos o valor mínimo de R$ 20 por encontro, como forma de contribuição simbólica. Para cobrir custos com marketing e divulgação, aluguel da sala digital, além da curadoria da Confraria das Lagartixas e da A Casa Frida.


Para este primeiro encontro de Introdução, será disponibilizado o acesso gratuito a todos os interessados por email, telegram e demais canais de comunicação. O link de acesso ao Zoom encontra-se aqui embaixo:


Entrar Zoom Reunião

ID da reunião: 868 1958 3998

Senha: 273540


 


Gostou do nosso conteúdo?

Deixe o seu comentário neste post.

1.174 visualizações4 comentários

4 Comments


OI Cláudia, não pude ficar até o fim do encontro inaugural da leitura do Dom Casmurro, infelizmente. Gostaria de saber onde encontro o link para inscrição nos encontros e se vocês irão publicar no Youtube o encontro inaugural, gostei muito da apresentação do Prof. Alcides até onde consegui assitir. Obrigado e boa semana.


Like
Replying to

Oi, Celso! Agradecemos por participar conosco. Sim, o encontro de Introdução já está disponível em nosso canal do Youtube. Em breve disponibilizaremos o link para se inscrever na Ciranda de Leitura mensal, junto com o materialde apoio do encontro I. Nos vemos em breve. :)

Like

Olá!!!


Ganha certificado?

Like
Replying to

Olá, Eli. Não trabalhamos com certificado. Os participantes do clube do livro ganham a possibilidade de partilhar seus pensamentos sobre a obra com os demais integrantes do grupo. É uma troca de pensamentos. Será um prazer ter você conosco. :)

Like
bottom of page