[Encontro 9] - 26/05/22 - Ciranda de Leitura Online - Grande Sertão: Veredas

Atualizado: 19 de mai.




Realização: A Casa Frida & Confraria das Lagartixas



"Travessia perigosa, mas é a vida."

Este projeto foi concebido em parceria pela Confraria das Lagartixas e o Grupo A Casa Frida. Acompanhe nossa playlist no YouTube com os encontros anteriores.




Recomendamos que a leitura NÃO seja feita pelo PDF que enviamos. Não há nada melhor que ter um livro físico nas mãos e, seguindo os caminhos de Guimarães, ter um bloco de anotações com um lápis para deixar guardado partes importantes dessa travessia.


Recomendamos a edição de bolso da Companhia das Letras (pelo valor acessível, ou adquirida através da cesta temática criada especialmente para este evento - maiores informações no site padocafilosofica.com.br/cestasartesanais ), vamos nos enveredar ...


 

Parágrafo de início:

"Digo franco: feio o acontecido, feio o narrado. Sei. Por via disso mesmo resumo; não gloso. No fim, o senhor me completa. Mas, fazia tempo que não se dava combate, e o propor da gente era tribuzana, essas ferocidades assim."


Parágrafo final:

"Remanso de rio largo…

Deus ou o demo, no sertão…"



Livro de Bolso Grande Sertão: Veredas - da página 455 até 495.



Edição Normal Companhia das Letras Grande Sertão: Veredas: - da página 369 até 402.


As demais edições deverão ser lidas até a diagramação final do PDF do material de apoio.


Baixe o PDF clicando no ícone abaixo.

Grande Sertão Veredas - ROSA, Guimarães - 09 de 10
.pdf
Download PDF • 359KB

Os encontros vão acontecer toda última quinta-feira do mês, das 19:30 às 21:00 hs, por dez meses consecutivos. O material de apoio vai ser enviado por e-mail nos dias subsequentes das cirandas. A cada encontro, DEVERÁ SER FEITO UMA NOVA INSCRIÇÃO para que possamos enviar o link. Qualquer dúvida, estamos à disposição para maiores informações.


ENCONTRO 09 de 10: 26/05/22 - 19h30 às 21h00

Na sua casa através do aplicativo Zoom (Play Store) (Apple Store)


As inscrições devem ser feitas no link abaixo:




MATERIAL DE APOIO - Encontro 9 (26/05)


Urutu Branco se aproxima do meio do Redemunho.

Fez um pacto com o diabo e entregou sua alma em troca.

Quem é o Demo?

Quem é a alma de Tatarana?

Riobaldo, um homem atormentado e fragmentado pelas veredas do sertão.


"Remansos de Rio largo, Deus ou Demo, no sertão."


No penúltimo trecho do livro, acompanhamos Riobaldo e seu bando de jagunços conhecendo a esposa do Hermógenes, uma mulher que tinha uma "suave calma, feroz."


Seguindo em direção ao Tamanduá-tão, instante, memória e passado se multiplicam na cronologia da narrativa. Seguimos na leitura "caminhando de costas" para voltar ao começo do livro. E se os caminhos fossem outros? E se Diadorim não tivesse passado na vida de Riobaldo, o que seria ele?


O encontro com as mulheres "que tudo transformam", Maria da Luz e Hortência.


E finalmente a chegada na enorme vargem: Tamanduá-tão. A casa de fazenda que tinha sido senzala e engenho de pau em pé. Esquecida, arruinada. Foi ali então que encontraram o bando dos traidores de Joca Ramiro e o calor vinha subindo perna acima. Se inicia o último e grande tiroteio da guerra dos jagunços.


Remanso de rio largo…

Deus ou o demo, no sertão…


Texto: Carla Belintani


Percorra conosco os últimos trechos do Grande Sertão de Guimarães Rosa.


Participe! Realize sua leitura prévia e venha debater conosco.


 

Playlist interativa para acompanhar as leituras:

Os participantes da playlist podem adicionar músicas relacionadas.




Calendário 2022 - Guimarães Rosa "Grande Sertão: Veredas"


 

ENCONTRO 09 de 10: 26/05/22 - 19h30 às 21h00

Na sua casa através do aplicativo Zoom (Play Store) (Apple Store)


As inscrições devem ser feitas no link abaixo:








Apoio:

Santa Cabeleira

A Casa Frida

Farabbud



O Link de acesso a sala ZOOM, será enviado pela manhã no mesmo dia do evento no e-mail cadastrado em nosso site.



Você também poderá receber o link através do nosso grupo no Telegram.





Siga a Confraria das Lagartixas nas redes.







602 visualizações0 comentário